Risco e tipos de investidores

A palavra risco origina do latim riscare que significa “correr em direção ao perigo”, ou seja, arriscar e ousar. O conceito pode ser explorado sob diversas perspetivas, mas neste artigo o foco é o risco financeiro enquanto fator primordial no comportamento dos investidores. Risco é o grau de incerteza em relação à rentabilidade de um […]

Projeções económicas II (União Europeia)

O boletim da Comissão Europeia aponta para um crescimento da União Europeia (UE) de 4,2% para o ano de 2021 e de 4,4% para 2022. São apresentados dados muito mais favoráveis em comparação às previsões de Inverno, apresentadas em fevereiro. Já entre os Estados-Membros as taxas continuam a ser divergentes, mas estima-se que voltem a […]

Indicador de incerteza económica

O que significa incerteza? De acordo com o Dicionário da Língua Portuguesa (Priberam), é um substantivo feminino com díspares significados: falta de certeza, dúvida, hesitação, indecisão e imprecisão. Por norma, a definição mais lata resume um “estado ou caráter do que é incerto”; todavia, em linguagem económica é definido enquanto uma conjectura cujo rumo a […]

Consumo pandémico explica o comportamento dos mercados?

Os mercados incorporam especulação de forma mais ou menos notada e, o comportamento recente das matérias-primas e materiais preciosos é pouco vulgar. Será uma consequência do perfil de consumo das pessoas no período pandémico? A verdade é que a pandemia provocou mudanças nos hábitos de consumo (dinâmica ambivalente). O comércio digital incrementou-se e a produção […]

Matérias-primas: Análise de tendências

A escalada de preços nos últimos meses dos preços das commodities (exemplo: soja, milho, minério de ferro e cobre) tem promovido um debate entre os economistas sobre a sua continuidade e motivos relacionados. Mas o que significa commodities? Expressão económica da língua inglesa referente a um determinado bem ou produto de origem primária comercializado nas […]

Metais preciosos: Análise de tendências

O preço do ouro apresenta um comportamento muito positivo, mas despercebido pelos investidores fruto do comportamento do SP500 via empresas tecnológicas. Este recuperou na totalidade a desvalorização observada de Março e evidencia: i) máximos similares a 2020 (com uma valorização de +12%); ii) os níveis de 2013; e, iii) a 15% dos máximos históricos de […]

Investimentos: a certeza da “incerteza” e/ou “mudança”

Falar em incerteza e/ou mudança em investimentos é um eufemismo que suaviza a realidade nua e crua da subjetividade (sensação de negação ilusória). Senão pensemos desde quando é que: i) investir não incorpora incerteza?; ii) mudança não é a única constante da vida? Já Heráclito de Éfeso o referiu; é de tal forma, que o […]

Criar ou não criar uma SGPS? Eis a questão… – parte 2

Lembrando o conceito de trade-off, não é razoável ignorar as desvantagens das SGPS´s, assim como é importante não olvidar as dimensões de análise: rendimentos em pessoas coletivas e imposto selo (IS). No que respeita aos dividendos e/ou similares (mais-valias e juros), se a aquisição de partes de capital resume um período inferior a um ano […]

Criar ou não criar uma SGPS? Eis a questão… – parte 1

Ex-ante ao dilema é vital debater o conceito de trade-off, pois afeta a decisão. Este resume o conflito de escolha, ie, a impossibilidade de obter benefícios da não opção; todavia, a análise deve considerar os pontos positivos e negativos das oportunidades. Escolher é literalmente um processo quotidiano como o exemplo mundano denota: uma sandes de […]

O conceito de Sociedades Gestoras de Participações Sociais – parte 2

Qual o verdadeiro limite de participação de uma SGPS fruto da publicação ex-ante (limite de 10%)? A legislação revela: Montante de 30% do valor total das participações iguais ou superiores a 10% do capital social com direito de voto das sociedades participadas; Se o valor de aquisição de cada participação não é inferior a 5 […]