Projeções económicas II (Portugal)

Segundo as previsões apresentadas no Boletim de Junho do Banco de Portugal, após a queda de 7,6% em 2020, o PIB em 2021 crescerá 4,8% e prevê-se que em 2022 cresça 5,6%. Este crescimento inclui os avanços na vacinação, e a manutenção das políticas económicas. A taxa de desemprego terminará com um ligeiro aumento em […]

Projeções económicas II (União Europeia)

O boletim da Comissão Europeia aponta para um crescimento da União Europeia (UE) de 4,2% para o ano de 2021 e de 4,4% para 2022. São apresentados dados muito mais favoráveis em comparação às previsões de Inverno, apresentadas em fevereiro. Já entre os Estados-Membros as taxas continuam a ser divergentes, mas estima-se que voltem a […]

Indicador de incerteza económica

O que significa incerteza? De acordo com o Dicionário da Língua Portuguesa (Priberam), é um substantivo feminino com díspares significados: falta de certeza, dúvida, hesitação, indecisão e imprecisão. Por norma, a definição mais lata resume um “estado ou caráter do que é incerto”; todavia, em linguagem económica é definido enquanto uma conjectura cujo rumo a […]

Consumo pandémico explica o comportamento dos mercados?

Os mercados incorporam especulação de forma mais ou menos notada e, o comportamento recente das matérias-primas e materiais preciosos é pouco vulgar. Será uma consequência do perfil de consumo das pessoas no período pandémico? A verdade é que a pandemia provocou mudanças nos hábitos de consumo (dinâmica ambivalente). O comércio digital incrementou-se e a produção […]

Matérias-primas: Análise de tendências

A escalada de preços nos últimos meses dos preços das commodities (exemplo: soja, milho, minério de ferro e cobre) tem promovido um debate entre os economistas sobre a sua continuidade e motivos relacionados. Mas o que significa commodities? Expressão económica da língua inglesa referente a um determinado bem ou produto de origem primária comercializado nas […]

Metais preciosos: Análise de tendências

O preço do ouro apresenta um comportamento muito positivo, mas despercebido pelos investidores fruto do comportamento do SP500 via empresas tecnológicas. Este recuperou na totalidade a desvalorização observada de Março e evidencia: i) máximos similares a 2020 (com uma valorização de +12%); ii) os níveis de 2013; e, iii) a 15% dos máximos históricos de […]

Investimentos: a certeza da “incerteza” e/ou “mudança”

Falar em incerteza e/ou mudança em investimentos é um eufemismo que suaviza a realidade nua e crua da subjetividade (sensação de negação ilusória). Senão pensemos desde quando é que: i) investir não incorpora incerteza?; ii) mudança não é a única constante da vida? Já Heráclito de Éfeso o referiu; é de tal forma, que o […]

Projeções económicas (Portugal)

O Banco de Portugal (BP) na reapreciação das análises para 2021 defende que o ritmo da economia portuguesa é inferior ao previsto pelo Governo e, tal trajetória prolongar-se-á até 2023. O diferencial das projeções para 2021 é 1,5%, pois enquanto o BP defende uma variação de 3,9% o Governo estima 5,4%. No ciclo da segunda […]

Projeções económicas (União Europeia)

No último boletim da Comissão Europeia, Outono, conclui-se que a tendência para o bloco económico apresenta uma projeção negativa de 6,1% ao invés dos 4,2% ex-ante previstos em julho. Ainda assim, face a 2020, globalmente estima-se uma recuperação de 4,1%; sendo que, Portugal espera-se ter o quinto pior desempenho dos 27 estados-membros. Todavia, prevê-se a […]

Criar ou não criar uma SGPS? Eis a questão… – parte 2

Lembrando o conceito de trade-off, não é razoável ignorar as desvantagens das SGPS´s, assim como é importante não olvidar as dimensões de análise: rendimentos em pessoas coletivas e imposto selo (IS). No que respeita aos dividendos e/ou similares (mais-valias e juros), se a aquisição de partes de capital resume um período inferior a um ano […]